Rede de Bibliotecas Escolares - (RBE)

Os Agrupamentos de Escolas do concelho de Baião e a Câmara Municipal de Baião convidam V. Exª. a participar nas Jornadas Literárias Ler (n)o Douro ... com Eça de Queiroz, a realizar no dia 11 de abril de 2015, em Baião (Auditório municipal e Fundação Eça de Queiroz).
Pode fazer a sua inscrição até ao próximo dia 8 de abril em https://docs.google.com/forms/d/1iYWu1Mwkk3QeNSFTY1oruX60B9W-MwZHzeBdqJ0DEbc/viewform

 Um recurso otimo: «Nativos Digitais Lêem Mais»


 

"Esta página tem como objetivo servir de suporte documental ao projeto «Nativos Digitais Leem Mais», iniciativa de promoção da leitura digital junto de alunos do ensino secundário, apoiado pela Rede de Bibliotecas Escolares no âmbito candidatura «Ideias com Mérito».
Tenha acesso a inúmeras obras em formato ebook.


Teresa Calçada

Foi um gosto ouvir. Admirável o discurso coerente, integrador e refletido sobre o que é a educação.

De muito do que afirmou tomámos a liberdade de salientar:

  • As bibliotecas são uma parte natural da vida das escolas
  • A biblioteca não é um luxo, é uma necessidade para melhorar o sucesso, as aprendizagens… para se ser leitor competente.
  • As Bibliotecas são lugares de inclusão social, expressão de liberdade, de autonomia
Destacando-se ainda como ideias basilares:
  • A inter-relação entre a Escola, a biblioteca, a formação de leitores. Mas também a importância das bibliotecas nas aprendizagens, e o destaque para os recursos humanos.
Afirma convictamente:

O que pode comprometer o programa seria a ausência das pessoas que “governaram” (gestão pedagógica) - que ensina a ler  e desenvolver comportamentos da valorização social da leitura e das bibliotecas.

Rede de Bibliotecas Escolares - (RBE)

O Programa Rede de Bibliotecas Escolares (PRBE) foi lançado em 1996, pelos Ministérios da Educação e da Cultura, com o objetivo de instalar e desenvolver bibliotecas em escolas públicas de todos os níveis de ensino, disponibilizando aos utilizadores os recursos necessários à leitura, ao acesso, uso e produção da informação em suporte analógico, eletrónico e digital.
Coordenado pelo Gabinete da Rede Bibliotecas Escolares (RBE), o Programa articula a sua ação com outros serviços do Ministério da Educação (ME), direções regionais de educação, autarquias, bibliotecas municipais e outras instituições - universidades, centros de formação, fundações e associações nacionais e internacionais.
Considerando que o PRBE tem como principal objetivo instalar e desenvolver bibliotecas  e serviço de biblioteca nas escolas, afigura-se indispensável constituir e garantir o elo de ligação entre o Gabinete da RBE, as escolas e as diferentes parcerias locais. Esta ligação cabe aos coordenadores interconcelhios das bibliotecas escolares que coordenam um número de agrupamentos e escolas não agrupadas, a definir pela RBE, conforme as circunstâncias e a geografia do território, assegurando ainda o apoio técnico e pedagógico aos professores bibliotecários e às equipas das bibliotecas.  
Os professores bibliotecários asseguram na escola, o funcionamento e gestão das bibliotecas, as atividades de articulação com o currículo, de desenvolvimento das literacias e de formação de leitores. Compete-lhes gerir as bibliotecas do agrupamento enquanto espaços agregadores de conhecimento, recursos diversificados e implicados na mudança das práticas educativas, no suporte às aprendizagens, no apoio ao currículo, no desenvolvimento da literacia da informação, tecnológica e digital, na formação de leitores críticos e na construção da cidadania. Compete-lhes, ainda, garantir serviços de biblioteca a todas as escolas do agrupamento.



PLANO NACIONAL DE LEITURA -(PNL)
 
O Plano Nacional de Leitura tem como objectivo central elevar os níveis de literacia dos portugueses e colocar o país a par dos nossos parceiros europeus.
É uma iniciativa do Governo, da responsabilidade do Ministério da Educação, em articulação com o Ministério da Cultura e o Gabinete do Ministro dos Assuntos Parlamentares, sendo assumido como uma prioridade política.

Destina-se a criar condições para que os portugueses possam alcançar níveis de leitura em que se sintam plenamente aptos a lidar com a palavra escrita, em qualquer circunstância da vida, possam interpretar a informação disponibilizada pela comunicação social, aceder aos conhecimentos da Ciência e desfrutar as grandes obras da literatura.


Ver em:


Aprende e diverte-te. 

Ver em:
http://brincar-e-aprender9.webnode.pt/